quinta-feira, 2 de outubro de 2008



Os anos colam-se à pele ,

indeléveis,

únicos e nossos...

7 comentários:

Maguetas disse...

E cada um deles está carregado de histórias... histórias que contam sentimentos, lamúrias, dores, sorrisos, conquistas, derrotas, mudanças, evoluções... É o acumular dos anos que nos traz a maturidade e riqueza interior!

Anónimo disse...

O que nos faz ser seres cada vez mais encantadores.
Como o teu Blog bem representa.
Iceman

amiga cotta disse...

por mais anos k passem ninguem esquece a Vocas ...
mesmo k não pareça !
Hoje ao ver http://es.youtube.com/watch?v=gEFM6QT0vzU entendi porque não "passam os anos".Bjs

nota: não deixes de ver as
partes 2 e 3

Anónimo disse...

eu não quero anos nenhuns colados à pele nem a outro orgão qualquer

Dora Osório disse...

Ainda estou a rir do comentário feito pelo "anónimo" de baixo: "eu não quero anos nenhuns colados à pele nem a outro orgão qualquer". Depois do nosso telefonema de há pouco, continuo a rir aqui. Há pessoas assim...Pois :):):):)

Anónimo disse...

Únicos e nossos...

Maria Manuel Guerreiro disse...

'Anos colados à pele', também dispenso (estou com Dorinha). Aliás, logo que sinta que estão demasiado colados telefono ao Pitangui ou filho de Pitangui para proceder a 'descolagem':)))

Beijos, Vokas Maria